VOLTAR PARA AS NOTÍCIAS
31 OUT 19

Para conscientizar sobre partos prematuros, Hospital Jaraguá promove caminhada

No próximo dia 9, o Hospital e Maternidade Jaraguá promove a 2ª Caminhada do Prematuro. A ação chama a atenção para os cuidados no intuito de evitar a prematuridade, que atinge mais de 15 milhões de crianças em todo o mundo, anualmente. No Brasil, cerca de 12% dos nascimentos acontecem antes das 37 semanas de gestação, o dobro do índice de países europeus.

 

Os problemas causados pelo nascimento precoce incluem baixo peso e cuidados especiais na UTI, que aumentam em três vezes o risco de morte e sequelas futuras. A Caminhada do Prematuro ocorre a partir das 9h, com saída no hospital e chegada na Praça Ângelo Piazera. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no https://www.sympla.com.br/2-caminhada-do-prematuro__693713 .

10 MAI 19

Hospital e Maternidade Jaraguá realiza Café Beneficente dos Voluntários em junho

A partir das 14h30, no dia 12 de junho, acontece o tradicional Café Beneficente dos Voluntários do Hospital e Maternidade Jaraguá, no Clube Atlético Baependi. A renda será direcionada para a reforma da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Neonatal e Pediátrica. Os ingressos custam R$ 45 e podem ser adquiridos no Bazar dos Voluntários, anexo ao HMJ.

 

No ano passado, a iniciativa contou com mais de 600 participantes e garantiu a aquisição de um equipamento visualizador de veias. Desde então, ele é utilizado pela equipe para facilitar o acesso a veias difíceis de serem vistas a olho nu em pacientes que precisam de medicações injetáveis.

HMJ na mídia
04 ABR 19

Diagnósticos relacionados a circulação sanguínea ganham incremento no Hospital e Maternidade Jaraguá

O Hospital e Maternidade Jaraguá vem melhorando, continuamente, o atendimento à população.

 

Um exemplo disso é o setor de Hemodinâmica da unidade, que permite que os pacientes da microrregião recebam tratamento na cidade, não precisando se deslocar a Joinville, como anteriormente acontecia.

 

O serviço se dedica à realização de diagnósticos, pequenas intervenções e cirurgias relacionadas aos vasos sanguíneos do corpo.

 

Conforme o hemodinamicista André Resende Nora, que acaba de assumir o setor, o equipamento atua em situações comuns, como cateterismo cardíacos.

 

“Ele também pode ser usado em procedimentos que contemplam as artérias de regiões cerebrais, do pescoço, tórax, abdômen e pernas”, completa.

 

Ele explica que, por se tratar de um método considerado padrão-ouro no diagnóstico da doença arterial coronariana, o serviço de hemodinâmica garante mais saúde à população.

 

“Em sintonia com a direção do hospital e com o corpo de cardiologistas clínicos, sinto-me honrado em aceitar este grande projeto de estruturação e consolidação”, destaca Nora.

HMJ na mídia