Notícias

19 FEV 20
Equipamento novo no data center

Hospital e Maternidade Jaraguá reestrutura Data Center

O projeto de reestruturação durou 12 meses. Segundo o Gerente de Infraestrutura, Guilherme Kienen, o projeto visou atender as necessidades atuais e também futuras ampliações, de forma a “oferecer melhores práticas na operação do negócio, relacionando a tecnologia e a segurança”. Após o mapeamento da infraestrutura existente, iniciou-se o planejamento, onde “foram prezados os pilares da Disponibilidade, Desempenho, Escalabilidade, Redundância, Estabilidade e Backup”, completa.
Nesta etapa foram discutidos quais aplicativos exigem mais performance, necessidades de contingência, expectativas em termos de desempenho e necessidade de consolidação dos bancos de dados dos sistemas de gestão assistencial, administrativa e financeira, de recursos humanos e legados de desenvolvimento próprio.
Em junho de 2019 a requisição de proposta (RFP) com os requisitos técnicos do projeto foi lançada ao mercado para a negociação e definição da compra de equipamentos, onde foram comprados cinco servidores e reorganizados os já existentes, além da aquisição de um storage de maior capacidade e um novo sistema de backup. Por fim, a migração dos serviços para as novas tecnologias ocorreu durante o período de um mês, executada de forma a mitigar potenciais impactos para os usuários e pacientes do Hospital.

+ Notícias
19 FEV 20

Hospital Jaraguá lança projeto via Fundo Municipal do Idoso

O Hospital e Maternidade Jaraguá realiza o lançamento do Projeto Fisioterapia na Saúde do Idoso na segunda-feira (24), às 10 horas, no Laboratório de Práticas Educativas e Digitais. Destinado a pacientes com idade a partir de 60 anos, o projeto foi aprovado pelo Conselho Municipal dos Direitos do Idoso para receber R$ 1.611,87 do Fundo Municipal do Idoso. O valor foi investido na aquisição de materiais utilizados em sessões de fisioterapia, como bolas de massagem, disco de equilíbrio e halteres emborrachados, entre outros.

Conforme descrição encaminhada pelo Hospital e Maternidade Jaraguá ao CMDI, o projeto é direcionado ao atendimento fisioterapêutico de pacientes idosos e acontecerá diariamente no setor da Ala Schuster, que é composta por 20 leitos disponíveis para o Sistema Único de Saúde (SUS). Haverá três atendimentos por dia e as sessões de fisioterapia serão realizadas conforme a prescrição médica e o quadro clínico do paciente. Os materiais adquiridos com recursos do FMI permitirão à equipe de fisioterapeutas melhor intervenção junto aos pacientes.

+ Notícias
15 DEZ 19

Coral formado por colaboradores emociona durante Auto de Natal do Hospital Jaraguá

Um dos destaques do evento foi a apresentação do coral Mãos que falam, formado por colaboradores da unidade.

 

Os sentimentos de união e gratidão marcaram as apresentações do tradicional Auto de Natal do Hospital e Maternidade Jaraguá, que aconteceu na noite de quinta-feira (12). Um dos destaques do evento foi a apresentação do coral ‘Mãos que falam’, formado por colaboradores da unidade.

 

Eles interpretaram canções, em libras, que convidam à reflexão sobre o cuidado e o amor ao próximo. Depois, foi a vez do Coral Municipal emocionar a plateia. E para a alegria das crianças, a iniciativa contou ainda com a chegada do Papai Noel.

 

Durante a celebração, o pastor Ivanildo Laube, lembrou a todos sobre o verdadeiro espírito natalino. “Não é sobre nós. É sobre Jesus. Será que estamos dispostos a presentear Jesus com nosso coração e nossas ações? Talvez podemos dividir a ceia com quem precisa”, sugeriu.

 

Já o diretor administrativo do hospital, Sérgio Luis Alves, aproveitou a oportunidade para agradecer. “Essa noite é especial e esse momento pode ser traduzido em uma só palavra: gratidão”, resumiu.

 

Além de colaboradores, representantes do Conselho Administrativo, voluntários, e da comunidade em geral, o evento contou ainda com a presença do secretário municipal de Saúde, Alceu Gilmar Moretti, e do deputado estadual, Vicente Caropreso.

+ Notícias
05 DEZ 19

Hospital Jaraguá realiza procedimento diferenciado

A equipe de Hemodinâmica do Hospital e Maternidade Jaraguá realizou, recentemente, um procedimento diferenciado para desobstrução de uma artéria do coração. O homem, de 90 anos, foi submetido a um cateterismo cardíaco que mostrou lesões obstrutivas graves no tronco da coronária, vaso sanguíneo responsável pelo início da circulação de sangue para o músculo do coração.

 

Devido às lesões apresentarem importante calcificação, o que dificulta o preparo e implante dos stents por angioplastia convencional, foi optado por realizar o procedimento chamado aterectomia rotacional, que consiste de um cateter especial, o qual consegue girar com rápida rotação dentro da artéria do coração, resultando na fragmentação da placa de cálcio em minúsculas partículas e permitindo o implante do stent.

 

O procedimento, realizado pelo médico hemodinamicista Dr. André Nóra, em parceria com o Dr. Rodrigo Wainstein, hemodinamicista do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, ocorreu com sucesso e sem intercorrências. O paciente apresentou boa evolução clínica e recebeu alta hospitalar após 24 horas de observação.

+ Notícias
NOTÍCIAS RECENTES
NOTÍCIAS ANTIGAS