Notícias

06 DEZ 18

Música e emoção embalam encerramento do Hospital Jaraguá

O Hospital e Maternidade Jaraguá encerrou o ano incentivando o reconhecimento do real espírito natalino. Durante a Cantata de Natal, funcionários, autoridades, parceiros, pacientes e voluntários se emocionaram ao som de canções natalinas apresentadas pela Orquestra Instituto Federal de Santa Catarina e o Coral Fundação Cultural Alemã, na noite da última quarta-feira, 5.

 

O diretor-executivo Sérgio Luís Alves considerou o momento como a união da família HMJ. “Como somos um hospital materno-infantil, acreditamos que todos os dias nasce um menino Jesus aqui dentro. Assim, mantemos sempre viva a esperança de que algo bom vai acontecer”, comentou. Ele ainda aproveitou para expressar gratidão à comunidade. “Desejamos que todos tenham um excelente Natal e um 2019 melhor e cheio de paz”, finalizou.

 

Na oportunidade, o capelão do HMJ e pastor da Igreja Evangélica Luterana, Ivanildo Laube, realizou uma cerimônia ecumênica e convidou o público a refletir sobre o nascimento de Jesus. “Parece que, nessa época, as pessoas ficam mais sensíveis, mais dispostas, mais sonhadoras. Há uma expectativa e um olhar diferente, um desejo de fazer coisas boas”, lembrou.

 

Quem fez questão de participar do evento foi a aposentada Maria Malheiro. Com 71 anos, ela se emocionou e cantou junto as tradicionais canções natalinas. “É tão bom termos saúde para participar e ouvir músicas que nos fazem lembrar do verdadeiro sentido do Natal e que mexem com o coração da gente”, enfatizou.

 

Ao final do evento, todos os presentes se posicionaram na escadaria do hall de entrada do HMJ em um momento de congraçamento. Eles cantaram juntos com a orquestra e o coral, fechando, assim, mais uma edição da Cantata de Natal da unidade.

+ Notícias

 

26 NOV 18

Caminhada do Prematuro reúne cerca de 260 pessoas

A iniciativa, organizada em lembrança ao Dia Mundial da Prematuridade, envolveu cerca de 260 pessoas, que caminharam do HMJ até a Praça Ângelo Piazera chamando a atenção para a importância do tema.

 

Alegria, união, força, amor. Esses sentimentos estiveram presentes na Caminhada do Prematuro, realizada no último fim de semana, em Jaraguá do Sul, emocionando não só os participantes, mas todos que se depararam com a ação realizada pelo Hospital e Maternidade Jaraguá.

 

A iniciativa, organizada em lembrança ao Dia Mundial da Prematuridade, envolveu cerca de 260 pessoas, que caminharam do HMJ até a Praça Ângelo Piazera chamando a atenção para a importância do tema. No Brasil, cerca de 11% de todos os partos realizados são prematuros.

 

Geralmente traumático para mamães e papais, o nascimento antes das 37 semanas de gestação pode gerar danos irreversíveis à saúde da criança. Por isso, apesar de ser possível de ocorrer em qualquer gestante, ela deve ser evitada com cuidados que incluem os exames pré-natais, o controle de infecções e o combate à obesidade.

 

A caminhada do HMJ teve como objetivo enfatizar a necessidade da prevenção e, além disso, comemorar a superação das dificuldades ocasionadas pela prematuridade. A ação contou com a participação de pais, crianças, familiares e profissionais da unidade.

 

+ Notícias
14 NOV 18

Hospital e Maternidade Jaraguá promove caminhada para sensibilizar a população em relação à prematuridade

No Brasil, cerca de 11% de todos os partos realizados são prematuros. Esse percentual representa mais de 300 mil nascimentos prematuros a cada ano e colocam o país na décima colocação no ranking de nações onde mais nascem crianças antes das 37 semanas de gestação. Para colocar o tema em discussão e fazer um importante alerta à comunidade, o Hospital e Maternidade Jaraguá promove, no dia 24, uma caminhada em lembrança ao Dia Mundial da Prematuridade. A ação inicia no HMJ, às 9h, e passa pela região da cidade até a Praça Ângelo Piazera. Na local de chegada, haverá apresentação com música e dança, piscina de bolinhas, cama elástica e outras atividades recreativas.

 

A prematuridade, geralmente, traumática para mamães e papais, pode gerar danos irreversíveis à saúde da criança. Por isso, apesar de ser possível de ocorrer em qualquer gestante, ela deve ser evitada com cuidados que incluem os exames pré-natais, o controle de infecções e o combate à obesidade.

+ Notícias

Horários de Visita

  • Particular  

    Troca Acompanhantes 08h às 21h

    Visitas 08h às 21h

  • Convênios  

    Dias de Semana 10h00 às 19h30

    Finais de Semana 09h30 às 18h30

  • SUS Dias de Semana 10h às 11h

      15h30 às 16h30

      20h às 21h

  • SUS Finais de Semana 10h às 11h

      13h30 às 14h30

      17h às 18h

  • Troca Acompanhantes 07h às 08h30

    Dias de Semana 13h às 14h30

      18h30 às 20h

  • Troca Acompanhantes 07h às 08h30

    Finais de Semana 13h às 14h30

      17h às 18h30

  • UTI Neonatal 15h30 às 16h

      20h30 às 21h

    UCI 15h às 16h

      20h30 às 21h

  • UTI Adulto 12h às 12h30

      20h às 20h30

O QUE NOSSOS PACIENTES TEM A DIZER
  • Fiquei lá no Hospital de acompanhante com a minha cunhada que ainda se encontra internada,Mas fiquei maravilhada com o bom atendimento de todo pessoal moro aqui em Joinville e minha cunhada é de Corupá, acompanho muitas pessoas nos Hospitais o atendimento foi especial Quero agradecer a todos que nos atenderam muito obrigada Cristina Hein

    Cristina Hein

  • Todos os profissionais estão de parabéns especialmente o pessoal da maternidade eu e minha filha fomos muito bem atendidas Concerteza um hospital de primeiro mundo.....PARABÉNS!!

    Renata Max

  • Minha filha nasceu nesse hospital com apenas 1,420 kgs no dia 13.02.16 com 29 semas de gravides e hoje ja esta com 3,850 kgs ,fomos muito bem atendidos pela equipe , principalmente da uti e uci ja que somos de tres barras sc ,e recebemos todo apoio dos profissionais pois ela ficou internada por 35 dias ,estao de parabens

    Gilmar Tibes

  • Agradecemos a toda equipe do hospital , onde meu marido fez cirurgia cardíaca e foi muito bem atendido por todos, desde o pessoal da limpeza até os enfermeiros e médicos, em especial Dr. Thales, Dr. Faraco e Dr. Fabio.

    Ediany Koche